jump to navigation

Dexter junho 26, 2008

Posted by Guino in Filmes, Vídeos.
Tags:
add a comment

Dexter é um seriado baseado no livro Darkly Dreaming Dexter, que conta a história de Dexter Morgan, um serial killer que trabalha como analista forense especialista em padrões de dispersão de sangue.

A série ótima, além de o roteiro ser muito bem amarrado, o que me chamou a atenção é como os diferentes elementos do seriado contribuem para o processo de identificação, a narração em off e os flashbacks são muito úteis, pois o espectador acaba por torcer para o personagem (que tem uma moral bem particular). A fotografia é outro ponto positivo, fora a estética que agrada, ela contribui bastante para o andamento da história. Além disso, Dexter é recheado de referências, começando pelos nomes dos episódios, reparem nos nomes dos episódios 3 e 5 da segunda temporada referências aos filmes “Uma verdade inconveniente” e ”Sexo, mentiras e vídeotapes” (vencedor da palma de ouro em Cannes em 1990).

Resumindo: Baixem porque vale muito à pena

Seguem as duas temporadas para download:

Episódio 1 – Dexter
Episódio 2 – Crocodile
Episodio 3 – The Popping Cherry

Episodio 4 – Let’s Give the Boy a Hand
Episodio 5 – Love American Style
Episodio 6 – Return to Sender
Episodio 7 – Circle of Friends
Episodio 8 – Shrink Wrap
Episodio 9 – Father Knows Best
Episodio 10 – Seeing Red
Episodio 11 – Truth Be Told
Episodio 12 – Born Free – Season Finale

Episodio 1 – It’s Alive!
Episodio 2 – Waiting to Exhale
Episodio 3 – An Inconvenient Lie
Episodio 4 – See Through
Episodio 5 – The Dark Defender
Episodio 6 – Dex, Lies, and Videotape
Episodio 7 – That Night, A Forest Grew
Episodio 8 – Morning Comes
Episodio 9 – Resistance Is Futile
Episodio 10 – There’s Something About Harry
Episodio 11 – Left Turn Ahead
Episodio 12 – The British Invasion

Ma oe! junho 21, 2008

Posted by Nuno Jovem in Cultura Inútil, Vídeos.
add a comment

[por Nuno Jovem]

Fazendo contrapartida ao post do Guino da baranga, coloco aqui alguns mapas de pistas, com todas as suas curvas, de Interlagos à Mônaco.
Como a merda desse wordpress não tá exibindo os vídeos embedded aqui, então só vão os links.

http://www.dailymotion.com/video/x1f8yf_benny-benassi-whos-your-daddy-uncen_music

http://www.youtube.com/watch?v=e8w98WZ_pcw

http://br.youtube.com/watch?v=qzNTCxOJK3g

Jovem brasileira de 20 e pouco anos é sucesso mundial. junho 15, 2008

Posted by Nuno Jovem in Música, Vídeos.
Tags: , , , , , , ,
1 comment so far

[por Nuno Jovem]

O mundo da música é genial. Todo dia aparece alguém querendo entrar nessa putaria e, claro, a maioria dá com a cara na porta das grandes gravadoras. Porém, graças aos carinhas que inventaram a internet, o trabalho desses incontáveis artistas e aspirantes se tornam acessíveis para todo mundo (entre aspas). Claro, no mesmo jeito que ficou mais fácil a divulgação, ficou mais difícil se destacar nesse mar. Entre as milhares de pessoas que querem o mesmo e usam a net para tal, algumas conseguem, usando-se de técnicas diversas, e outras, por mérito.

E indo nessa última é que vai Marli, a mais nova revelação musical desse novo século, uma pessoa de carícia estupenda e malemolência nata.

No começo pensei que fosse uma jogada de marketing viral, daquelas que depois de um mês de disseminação, aparece alguma empresa vendendo alguma coisa que não estava ali antes. Mas não, caros amigos! Sob as asas de uma gravadora de nome, no mínimo, engraçado, Furacu Records (haha entendeu?), Marli segue cantando, dançando e seguindo a canção desde 2002, com já 5 albuns em sua discografia.

Eis, senhoras e senhores, EIS!, o sinônimo de sucesso, a representação transcendental de um nível artístico superior, a qualidade, a flexibilidade, a fagocitose, a pessoa, A CACHAÇA!

Marli, a Björk brasileira!

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Ok. Acabou a graça.
Marli é na verdade o “projeto” de um rapaz fanfarrão, Antônio (de sobrenome foragido), que resolveu por sua empregada doméstica nas mais altas confusões cheias de adrenalina e aventuras de tirar o fôlego. “Ela começou a trabalhar como empregada doméstica em minha casa no ano de 2001. Por ser muito extrovertida e brincalhona, tive a idéia de começar a fazer músicas com ela. Eu faria as letras e as músicas e ela cantaria”, diz ele na única “parte séria do site” que fez para promover a artista.

Os álbuns, apesar de não existirem na vida real, são lançados na internet pela gravadora fictícia como se existissem de fato, e todo o trabalho e a cantora também. Lembrando que, embora Marli seja um personagem, a pessoa dela realmente existe e se chama Marli mesmo haha.
“Marli Souza Silva é seu nome verdadeiro completo. ‘Marli’, o projeto, pode ser considerada um personagem em partes, já que utilizamos elementos fictícios, como entrevistas inventadas por mim, montagens, etc. Por outro lado, Marli empresta seu nome, voz e imagem reais para o projeto.”

Mesmo a princípio não sendo uma estratégia de marking viral de alguma grande empresa, toda a coisa se deslanchou na rede viralmente, chegando, um dos clipes, de acordo com o ‘autor’, “a ser destaque em sites importantes como o G1.”

Aí, leitor, você vê como a vida é uma caixinha de surpresas. Se eu tivesse dito no começo que Marli era uma “farsa”, ficaria tão engraçado o vídeo?

“Most of us inhabit at least two worlds:” junho 4, 2008

Posted by Nuno Jovem in Alô Terra!, Animações, Filmes, Vídeos.
Tags: , , , , , , , , , , ,
3 comments

[por Nuno Jovem]

Acabo de ver The Maxx por completo e só digo uma coisa: “olá tudo bem como vai” e “A SÉRIE É GENIAL”. Fuckin’ awesome, man. Há muito o que poderia ser dito sobre a série, a semiótica presente que brinca constantemente com sua própria autenticidade, as dúvidas inevitáveis, as morais da história, entre outras coisas.

O fato é que uns dias atrás o Guino me mostrara na casa dele um desenho “muuito bom, cara! do caralho!” que o irmão dele baixou por aí. Colocado o play, lá estava a gente assistindo os 2 primeiros episódios de THE MAXX e, cara, 20 minutos passaram como 5. A série simplesmente te envolve. O clima noir, o visual, os movimentos de câmera, os personagens, os acontecimentos, o nonsense que (bitch!) FAZ SENTIDO, e, claro, the Maxx.
Tá, sua amiga Julie Winters é mais interessante, se é que me entende.

Dissera no dia o jovem Guino que a série passou uma vez no extinto canal playboy Locomotion, e é verdade, é sim senhor. Porém, antes, ou melhor, originalmente, passou na MTV num antigo bloco que tinha nos anos 90: Oddities, onde passavam mini-séries de animações adultas. O desenho, de Sam Keith, é a versão animada da série de HQ criada por ele mesmo.

É uma das melhores metáforas que já vi durante minha existência até então sobre a luta que todos nós temos que encarar com as adversidades internas e externas que surgem ao longo de nossas vidas. E o melhor, é que The Maxx conduz tudo de um jeito bem único e cheio de referências, analogias e subversões. Um baita prato para Freud, Jung, seus amigos, e os derivados de hoje.

Abaixo, links para TODOS os episódios, já legendados em português:

Episódios 1 e 2 (86 mb)

Episódios 3 e 4 (100 mb)

Episódios 5 e 6 (86 mb)

Episódios 7 e 8 (98 mb)

Episódios 9 e 10 (89 mb)

Episódio 11 (84 mb)

Episódios 12 e 13 (86 mb)

Vale tudo? junho 3, 2008

Posted by Guino in Cultura Inútil, Vídeos.
add a comment

[por Guino]

E ai Gil? Vale tudo?

Sábias palavras, o Ronaldo devia ter ouvido.

15 minutos junho 3, 2008

Posted by Guino in Cultura Inútil, Vídeos.
add a comment

[por Guino]

Programa muito sarro da MTV, com Marcelo Adnet.

Espectador manda um e-mail reclamando e toma uma invertida.

Snake junho 2, 2008

Posted by Guino in Cultura Inútil, Vídeos.
add a comment

[por Guino]

Uns jaguaras resolveram simular o joguinho “snake” nas janelas de um edifício, ficou muito legal.

Clique aqui.

Dança do Reco-Reco junho 2, 2008

Posted by Guino in Cultura Inútil, Vídeos.
add a comment

[por Guino]

Não ria, pode ser o carnaval 2009(ou não)

“Tem todo um conteixxxxxtu”, aaah então ta beleza!

Ah, l´amour maio 30, 2008

Posted by Guino in Vídeos.
1 comment so far

[por Guino]

Videozinho bacana que mostra, com sinceridade, como começa um relacionamento.

Rythym of life maio 29, 2008

Posted by Guino in Vídeos.
add a comment

[por Guino]

A Guiness nem é uma cerveja tão boa, mas é uma marca muito bacana e o que faz a marca são comerciais geniais como este: